O que causa disfunção erétil?

A disfunção erétil é um diagnóstico recebido por homens de várias idades, principalmente pelos que já passaram dos 40 anos.

Conhecida como impotência sexual também, é uma condição que afeta muito a autoestima masculina e que pode ser causada por problemas psicológicos ou por distúrbios físicos, tendo cura em ambos os casos, seja com tratamentos convencionais ou com cápsulas como xtrasize onde comprar.

Por falar em cápsulas, elas têm sido cada vez mais utilizadas pelos homens que desejam contornar esse problema incômodo, e você pode ver um depoimento falando sobre as vantagens desses suplementos neste link: https://www.youtube.com/watch?feature=youtu.be&v=S5ZnlTSl5K8.

Em que consiste a disfunção erétil?

xtrasize funciona

Ela consiste na dificuldade de o homem ter uma ereção: por mais que ele esteja excitado e que a pessoa o atraia, o seu pênis não retém sangue suficiente para ficar ereto.

Há alguns pacientes que até conseguem a ereção, mas que a perdem rapidamente, não sendo possível manter uma relação sexual.

O diagnóstico da disfunção erétil é muito simples e o urologista pode investigar a doença.

Não existindo causa biológica para esse distúrbio sexual, o especialista recomenda um psicólogo para investigar se o bloqueio tem causas emocionais.

O que causa a disfunção erétil?

As razões mais vistas são:

  • Fibrose dos corpos cavernosos, que pode ser chamada de Doença de Peyronie;
  • Problemas psicológicos (baixa autoestima, ter sido molestado, bloqueio devido a crenças religiosas, desentendimentos entre o casal, traumas, etc.);
  • Cigarro e álcool;
  • Cirurgias pélvicas;
  • Problemas neurológicos;
  • Medicamentos demais;
  • Doenças hormonais ou vasculares.

Muitas vezes, o paciente pode dizer ao especialista se tem histórico de alguma das condições acima.

Se ele não souber, serão feitos vários exames laboratoriais ou de imagem e, ainda que se ache um problema físico, é muito indicado que o paciente faça o acompanhamento psicológico.

Como o psicológico afeta a ereção

Homens que têm depressão perdem bastante do seu desempenho sexual devido à apatia que ela causa.

Quem fica ansioso com determinada ocasião ou tem ansiedade crônica também encontra dificuldades de ereção.

A ansiedade faz com que o homem esteja com a cabeça no futuro, ou seja: ainda que esteja em um momento sexual, ele não consegue “entregar-se”.

Também há casos em que o homem não consegue ter ereção por algo específico, mas se traumatiza.

Por causa do medo de “falhar” de novo, é altamente provável que a ereção não seja mesmo alcançada.

Fatores de risco

Homens de idades variadas podem ter disfunção erétil e o seu grupo de risco é composto por:

  • Quem apresenta triglicérides e colesterol altos;
  • Pessoas sedentárias;
  • Quem tem diabetes descontroladas;
  • Quem está obeso;
  • Quem tem pressão alta;
  • Quem fuma.

No caso dos homens mais velhos com disfunção erétil, é possível que se trate das consequências de outros problemas de saúde.

Dentre os mais novos, os problemas com a ereção ou a sua manutenção referem-se mais à autoestima.

É disfunção erétil ou um caso isolado?

O fato de um homem não conseguir ter ereção em dias isolados não significa um quadro de disfunção erétil: o diagnóstico só é feito se essa pessoa tem uma dificuldade crônica para manter relações sexuais.

Isso quer dizer que o homem que não tem ereção porque está preocupado com o trabalho, porque está ansioso com uma ocasião ou coisas assim não precisa procurar um urologista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *