É preciso ter dom para aprender a desenhar bem?

Quem não tem aquele conhecido ou amigo que sabe desenhar desde pequeno e parece que já nasceu com o dom pra expressar o que vê em um papel ou tela?

Não é incomum ver pessoas comentando que é preciso ter dom para aprender a desenhar anime bem, mas será que isso realmente é tudo o que importa? E como ficam as pessoas que não nasceram com esse dom mas desejam muito desenhar?

Primeiro, precisamos desmistificar essa questão do dom.

Existe de fato, pessoas que nascem com um olho mais apurado, e são capazes de entender melhor as formas e cores, mas isso não quer dizer que apenas essas pessoas com “dom”, podem desenhar.

Através da prática, estudo, empenho e curso de desenho, qualquer pessoa é capaz de aprender a desenhar bem!

Você ficou curioso para saber mais sobre isso, continue lendo a matéria e conheça dicas sobre como aprender a desenhar bem.

Dedicação

Muitas pessoas acham que desenhar aquele desenho maravilhoso ou pintar uma obra de arte, é simplesmente pegar papel e lápis e começar. Esquecem que por trás, há muitas horas de dedicação e esforço!

Podemos citar alguns grandes nomes para que você entenda como a dedicação é fundamental.

Quem nunca ouviu falar sobre o mais famoso jogador de basquete brasileiro Oscar Schmidt? Conhecido como “Mão Santa”, Oscar é um dos poucos estrangeiros que conseguiu entrar para o Hall da Fama do basquete americano.

Chamar de “Mão Santa” é quase um insulto, pois, poucos observam que Oscar treinava 1000 arremessos livres por dia, todos os dias da semana, durante anos!

A Dedicação é algo extremamente necessário para quem quer se tornar bom em qualquer coisa, seja um esporte ou o desenho, esse sim pode ser considerado o verdadeiro talento, pois são poucos que conseguem.

Dedicação vai muito além da prática, é saber compreender que nem sempre tudo é perfeito, passar por cima da autocrítica e sempre buscar o melhor, por mais que alguns dias as coisas não pareçam tão boas assim.

Quer outro exemplo mas no mundo do desenho? Leonardo Da Vinci, estudou por 16 anos até pintar o famoso quadro “A Santa Ceia”.

Prática e repetição

Essa dica está completamente ligada a primeira, sem prática e a repetição diária, o esforço para melhorar a cada novo traço e a dedicação para não desistir não importa os obstáculos, você nunca será capaz de se tornar um bom desenhista.

A repetição leva à prática, às vezes, por mais chato que seja repetir o mesmo desenho mais de 10 vezes, isso é extremamente necessário para que se crie a habilidade e o foco que qualquer pessoa que deseja desenhar bem, se destaque nessa área.

Não deixe o ego subir a cabeça

O ego às vezes pode se tornar o maior vilão quando se trata do desenho, isso porque quando se obtém a prática e os traços começam a ficar bons, é comum ouvir elogios, principalmente daqueles que acompanham a sua jornada.

Mesmo assim, lembre-se, sempre há algo novo para aprender e desenvolver!

Não importa quanto tempo de estudo você tenha, quanto tempo você separa para praticar,  sempre há algo novo surgindo, algo novo para descobrir, e passar a acreditar que é o desenhista do século, irá trazer apenas acomodação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *